Connect with us

Hi, what are you looking for?

História & Humanidade

Mistérios de um antigo cofre subterrâneo na Rússia são finalmente revelados

Uma misteriosa estrutura escondida no subterrâneo de uma antiga fortaleza em Derbent, na Rússia, teve seu conteúdo finalmente revelado.

Os pesquisadores usaram uma tecnologia da física nuclear conhecida como radiografia de múons. Ela funciona rastreando as partículas subatômicas carregadas de múons, geradas quando os raios cósmicos interagem com a atmosfera da Terra.

À medida que passam pelo espaço, as placas de emulsão nuclear são usadas como detectores para “capturar” as partículas e desenvolver uma imagem de onde os múons passaram e onde foram absorvidos ou desviados. (Este mesmo método foi usado em pirâmides no Egito antes.)

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Graças a radiografia de múons, a equipe de cientistas chegou a conclusão de que a enorme estrutura foi provavelmente uma igreja.

LEIA TAMBÉM: Carta cristã mais antiga do mundo encontrada em papiro egípcio do século III.

Mas não para por aí, essa descoberta pode ter revelado a igreja mais antiga da Rússia, datada de cerca de 300 dC.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Os cientistas não podem escavar o que está sob a fortaleza de Naryn-Kala  pois ele é um patrimônio cultural da UNESCO (apenas um pequeno fragmento de sua cúpula está acima do solo). Então vez disso, eles baixaram os detectores para as profundezas da estrutura e passaram quatro meses examinando as dimensões internas do lugar.

Essa é uma representação de como seria a estrutura. (NUST MISIS)

É provável  que o prédio tenha sido enterrado pelo Império Persa Sasaniano depois que assumiu o controle de Derbent por volta de 700 dC. A área é parte de uma rota comercial crucial entre a Europa e o Oriente Médio e sempre foi estrategicamente importante.

Agora, os pesquisadores querem fazer mais exames para produzir uma imagem em tamanho real do que está enterrado sob o solo na fortaleza de Naryn-Kala.

A pesquisa foi publicada em  Applied Sciences.

Publicidade. A leitura continua abaixo.
Damares Alves
Publicado por

Apaixonada pela natureza, me tornei redatora e hoje escrevo exclusivamente sobre ciência. Meu objetivo é que todos possam ter acesso a pesquisas importantes e descobertas incríveis que são realizadas todos os dias.

Faça um comentário

Tecnologia

Cientistas estão trabalhando em um novo tipo de propulsão hipersônica que poderia permitir aviões voarem a mais de 20.000 km/h (Mach 17).

Plantas & Animais

Minúsculas criaturas, os rotíferos bdelóides, ficaram congelados no permafrost por 24.000 anos e foram recentemente trazidos de volta à vida, produzindo clones em um...

Notícia

Por muitos anos, a ecolocalização humana tem sido uma forma de percepção para pessoas que perderam a visão. Apesar disso, poucas pesquisas reforçavam essa...

Plantas & Animais

Raças menores de cães geralmente apresentam comportamentos mais instáveis. Pode haver, portanto, diversos motivos para cachorros pequenos serem ferozes.