Connect with us

Hi, what are you looking for?

Gases tóxicos
Gases tóxicos
Wikimedia Commons

Plantas & Animais

Estes insetos matam até seis cupins com um único pum tóxico

Lomamyia latipennis é uma espécie de inseto, que parece com uma mariposa. Esses insetos liberam gases tóxicos de um jeito estranho para matar cupins.

Cupins estão presentes em todos os continentes do planeta, com exceção da Antártica. Esses insetos formam comunidades sociais, assim como as formigas, o que dificulta que eles se tornem presas fáceis.

Contudo, um inseto desenvolveu uma forma peculiar de caçar cupins. Os Lomamyia latipennis parecem pequenas mariposas que habitam também todas as regiões do planeta onde há cupins. Acontece que esses animais liberam um tipo de alomônio, gases tóxicos letais para os cupins, pela cavidade anal. Dessa forma, apenas uma flatulência de um L. latipennis pode abater até seis cupins de cada vez.

Continua depois da publicidade

O mais impressionante é que esses insetos são em média 35 vezes menores na fase larval que os cupins que eles caçam.

(Scott Bauer)

As fêmeas desse inseto, por conseguinte, colocam seus ovos em um local próximo a um ninho de cupins. Desse modo, quando as larvas eclodem elas partem para a caçada, usando sua flatulência tóxica. Como se não fosse estranho o suficiente, o veneno não mata as presas de cara, mas as paralisa. Assim, com as vítimas imóveis, as larvas de L. latipennis podem se alimentar dos cupins – ainda vivos, diga-se de passagem.

Como caçar com gases tóxicos

Os primeiros estudos feitos com esses insetos aconteceram ainda nos anos 80. Pesquisadores observaram que as larvas dos insetos entravam em troncos e ninhos a procura de cupins. Uma vez que encontrassem sua presa, os L. latipennis iriam se posicionar firmemente, deixando a parte traseira do corpo bem levantada, mais ou menos na altura do rosto dos cupins. Então os bichos liberavam os gases tóxicos no ar, paralisando até 6 cupins de cada vez.

Os estudos mostraram que essa toxina era extremamente específica para os cupins. Ou seja, outros insetos não eram afetados pelo ataque dos animais. Isso indica uma relação evolutiva profundamente íntima entre presa e predador.

Continua depois da publicidade

Mais lidas

Plantas & Animais

Há aproximadamente 400 anos houve uma grande onda de frio que assolou todo o globo terrestre. O gelo atingiu a ilha de Ellesmere no...

Tecnologia

Chegamos a um ponto de virada na sociedade. Segundo o renomado físico teórico Michio Kaku, os próximos 100 anos de ciência determinarão se perecemos ou prosperaremos. Será...

Plantas & Animais

Com a capacidade de aprender a resolver problemas assim como os humanos, os polvos são uma das espécies mais inteligentes do oceano. Esses animais...

Plantas & Animais

Um novo teste de inteligência em uma espécie cefalópode reforçou como é importante não subestimar a inteligência animal. Os chocos foram submetidos a uma...