Connect with us

Hi, what are you looking for?

Plantas & Animais

Titanoboa: a maior cobra já descoberta

A Titanoboa cerrejonensis é a maior cobra já descoberta.

Você tem medo de cobras? Imaginar a Titanoboa pode fazer você tremer mesmo se a resposta for um não. Imagine a maior cobra já encontrada, com quase 15 metros de comprimento. Um réptil gigante que poderia devorar crocodilos inteiros.

Comparação entre o tamanho de uma titanoboa, a maior cobra já descoberta e um ser humanos adulto.

Mas não se preocupe, a Titanoboa cerrejonensis não está mais à solta nas selvas. Ela viveu há 60 milhões de anos atrás, no Paleoceno.

A titanoboa não matava suas caças com as presas e nem com veneno, em vez disso ela as esmagava até morte, como fazem as jiboias. Ela era realmente enorme, medindo cerca de 14,6 metro de comprimento e pesando até 1.133 kg.

A diferença de tamanho entre as vértebras pertencentes à cobra gigante Titanoboa cerrejonensis, à esquerda, e uma anaconda, à direita. (Jeff Gage / Museu de História Natural da Flórida) (Foto de Jeff Gage / Museu de Natural da Flórida)

Os fósseis da maior cobra já descoberta foram encontrados no início de 2009 em uma mina de carvão colombiana, onde também foram descobertos outros 28 esqueletos fossilizados desta mesma espécie. O local contém um rico registro fóssil das florestas tropicais que cobriram a Terra durante o Paleoceno, período que começou quando os dinossauros foram extintos.

Os fósseis geralmente estão abaixo das costuras de carvão: a mineração descobre os fósseis, tonando a mina um lugar ideal para procurar fósseis. As grandes máquinas de mineração removem toneladas de carvão e expõem centenas de metros quadrados de rochas. É aí que eles estão.

Continua depois da publicidade

Estes gigantes aterrorizantes tinham inimigos naturais?

Essas cobras enormes se alimentavam de enormes crocodilos e tartarugas que viveram no mesmo habitat que elas. Acredita-se que seus inimigos naturais atacaram ovos e cobras mais jovens. Os mesmos crocodilos que as próprias Titanoboas comeram poderiam ter caçado os ovos e os filhotes das grandes cobras. Ainda se sabe quase nada sobre o tempo de vida deles; isso é muito difícil saber a partir dos poucos registros fósseis que temos atualmente.

Representação artística de uma titanoboa atacando um crocodilo.

Até hoje, foram descobertas apenas vértebras e costelas, desse incrível predador que habitou as florestas tropicais do paleoceno. Futuramente os paleontólogos sonham em descobrir um crânio ou até mesmo um esqueleto completo.

FONTES / The Washington Post / Smithsonian

Continua depois da publicidade
Avatar
Publicado por

Comentários

Populares hoje

Plantas & Animais

Novos estudos mostram que as tarântulas habitam o planeta por mais de 120 milhões de anos.

Ciência

Na Paleontologia, encontrar novas peças que pertenceram a milhões de anos atrás é um dos principais objetos de estudo. No entanto, durante uma expedição...

Plantas & Animais

Um estegossauro era um tanque de guerra feito de carne e ossos. Assim como outros grupos de dinossauros com armaduras naturais, os estegossauros possuíam...

Notícia

Os hominídeos Homo antecessor são parentes bem antigos dos Homo sapiens. Esses humanos ancestrais habitavam vastas regiões da Europa entre 1,2 milhões e 800...