Connect with us

Hi, what are you looking for?

Ciência

O que são exoplanetas e o que os diferencia dos planetas?

o que são exoplanetas e o que os diferencia dos planetas
Imagem de <a href="https://pixabay.com/pt/users/Melmak-682104/?utm_source=link-attribution&utm_medium=referral&utm_campaign=image&utm_content=736712">Melmak</a> por <a href="https://pixabay.com/pt/?utm_source=link-attribution&utm_medium=referral&utm_campaign=image&utm_content=736712">Pixabay</a>

Exoplanetas, também chamados de planetas extrassolares, são planetas que não se encontram no Sistema Solar, ou seja,  orbitam outras estrelas, em vez do Sol, fazendo parte de outros sistemas planetários. Até o ano passado (2019), a Nasa (Agência Espacial Norte Americana) já havia confirmado a existência de mais de 4000 exoplanetas e de cerca de 3000 sistemas planetários.

O que são exoplanetas?

Como já foi dito, Exoplanetas são planetas que orbitam em torno de outras estrelas, que não o Sol. Exoplanetas são muito difíceis de ver diretamente com telescópios, pois estão ocultos pelo brilho das estrelas que orbitam.

LEIA TAMBÉM: Encontrado nitrogênio em meteorito marciano pela primeira vez

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Assim, os astrônomos usam outras maneiras de detectar e estudar esses planetas distantes. Eles procuram exoplanetas observando os efeitos que esses planetas têm sobre as estrelas que orbitam.

Comparação exoplanetas e terra
Comparação entre alguns exoplanetas conhecidos e a Terra/ Brasil Escola

Como estudiosos procuram exoplanetas?

Estrelas vacilantes

Uma maneira de encontrar exoplanetas é procurar por estrelas “vacilantes”. Uma estrela que tem planetas não orbita perfeitamente em torno de seu centro. Dessa forma, de longe, essa órbita descentralizada faz com que a estrela pareça trêmula.

LEIA TAMBÉM: Novo telescópio será tão poderoso que vai detectar vegetação em exoplanetas

Centenas de planetas foram descobertos usando esse método. No entanto, apenas grandes planetas – como Júpiter, ou até maiores – podem ser vistos dessa maneira. Planetas menores, como a Terra, são muito mais difíceis de encontrar, porque criam apenas pequenas oscilações, mais difíceis de detectar.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Método de trânsito

Em 2009, a NASA lançou uma espaçonave chamada Kepler para procurar exoplanetas. Kepler procurou planetas em uma ampla variedade de tamanhos e órbitas. Além disso,  esses planetas orbitam em torno de estrelas que variam de tamanho e temperatura.

Alguns dos planetas descobertos por Kepler são planetas rochosos, como a Terra, inclusive com zonas habitáveis, onde a vida pode ser possível. Contudo, o mais próximo deles se encontra a cerca de 12 anos-luz de distância do nosso planeta. 

Os exoplanetas foram detectados usando o chamado método de trânsito. Dessa forma, quando um planeta passa na frente de sua estrela, isso é chamado de trânsito. À medida que o planeta transita diante da estrela, ele bloqueia um pouco da luz da mesma. Isso significa que uma estrela parecerá um pouco menos brilhante quando o planeta passar à sua frente.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

LEIA TAMBÉM: Um terço dos exoplanetas conhecidos podem ser enormes mundos oceânicos

Os astrônomos também podem observar como o brilho da estrela muda durante um trânsito, o que  pode ajudar a descobrir o tamanho do planeta. Assim, estudando o tempo entre trânsitos, os astrônomos também podem descobrir a que distância o planeta está de sua estrela.

Espaçonave Kepler/ NASA

Até agora, milhares de exoplanetas foram descobertos pela missão Kepler. E, provavelmente, mais serão encontradas pela missão TESS (Transiting Exoplanet Survey Satellite) da NASA, que observa o céu inteiro para localizar planetas que orbitam as estrelas mais próximas e brilhantes.

Fonte: NASA

Publicidade. A leitura continua abaixo.
Adriana Tinoco
Publicado por

Adriana Tinoco de Vasconcelos, a.k.a Dri Tinoco, é graduada em Letras através da UERJ e atua como redatora web, revisora de textos, podcaster e youtuber.

Mundo Estranho

O jovem de 23 anos Eik Júnior Monzilar Parikokoriu precisou percorrer nove quilômetros com a ave presa à garganta até chegar num pronto-socorro.

Espaço

Planeta Nove? Plutão deixou de ser planeta? Descubra agora quantos e quais são planetas do Sistema Solar.

Mente & Cérebro

Nas últimas décadas, inúmeras pesquisas mostraram a relação entre amamentação e a saúde da criança. Sabe-se, por exemplo, que a amamentação ajuda no desenvolvimento...

Planeta & Ambiente

Nukumi, uma grande fêmea de tubarão-branco marcada no ano passado está cruzando o Atlântico já faz dois meses. De acordo com especialistas, ela pode estar...