Connect with us

Hi, what are you looking for?

Pesquisa indica que a flor azul, uma das cores mais raras da natureza, pode ser uma criação das abelhas. (Reprodução/Internet)

Animais

O mistério da flor azul: abelhas criaram a cor mais rara da natureza

No jantar, ou no recreio, a questão da cor favorita frequentemente resulta em “azul”. Por que os humanos gostam tanto de azul? E por que parece ser tão raro no mundo das plantas e animais?

Estudamos a questão e concluímos que o pigmento azul é raro, pelo menos em parte, porque muitas vezes é difícil para as plantas produzi-lo. Elas podem ter evoluído para fazê-lo apenas quando isso lhes traz um benefício real: especificamente, atrair abelhas ou outros insetos polinizadores.

Continua depois da publicidade

Também descobrimos que a escassez de flores azuis se deve em parte aos limites de nossos próprios olhos. Do ponto de vista das abelhas, flores azuis são muito mais comuns.

Relacionado: Várias espécies de abelhas simplesmente desapareceram desde 1990

Uma história de fascínio

Os antigos egípcios estavam fascinados com flores azuis, como a lótus azul, e tiveram grande trabalho para decorar objetos em azul. Eles usavam um pigmento sintético (agora conhecido como azul egípcio) para colorir vasos e joias, e pedras semi-preciosas azuis como lápis lazúli e turquesa para decorar artefatos importantes incluindo a Máscara de Tutankhamun.

Continua depois da publicidade

O corante azul para tecidos é comum agora, mas suas raízes estão no Peru antigo, onde um corante índigoide era usado para colorir tecidos de algodão há cerca de 6000 anos. Os corantes azuis de anil chegaram à Europa vindos da Índia no século 16, e os corantes e as plantas que os produziam se tornaram mercadorias importantes. Sua influência na moda e cultura humana ainda hoje é sentida, talvez mais obviamente em jeans e camisas azuis.

Os pintores renascentistas na Europa usavam lápis lazúli moído para produzir obras deslumbrantes que cativaram o público.

Hoje, muitos azuis são criados com modernos pigmentos sintéticos ou efeitos óticos. A famosa fotografia do vestido azul/ouro que se tornou viral em 2015 não só mostra que o azul ainda pode fascinar – como também destaca que a cor é tanto um produto de nossa percepção quanto de certos comprimentos de onda de luz.

Continua depois da publicidade
Várias flores azuis de nosso estudo.

Por que os humanos gostam tanto do azul?

As preferências de cor nos seres humanos são muitas vezes influenciadas por importantes fatores ambientais em nossas vidas. Uma explicação ecológica para a preferência comum dos humanos pelo azul é que é a cor do céu claro e dos corpos de água limpa, que são sinais de boas condições. Além do céu e da água, o azul é relativamente raro na natureza.

Relacionado: Abelhas aceleram a floração das plantas mordendo as folhas

E a flor azul?

Usamos um novo banco de dados de plantas online para pesquisar as frequências relativas das flores azuis em comparação com outras cores.

Entre as flores que são polinizadas sem a intervenção de abelhas ou outros insetos (conhecidas como polinização abiótica), nenhuma era azul.

Continua depois da publicidade

Mas quando olhamos para flores que precisam atrair abelhas e outros insetos para mover seu pólen, começamos a ver um pouco de azul.

Isto mostra que as flores azuis evoluíram para permitir uma polinização eficiente. Mesmo assim, as flores azuis permanecem relativamente raras, o que sugere que é difícil para as plantas produzirem tais cores e pode ser um valioso marcador de aptidão vegetal-polinizante em um ambiente.

Percebemos a cor devido à forma como nossos olhos e nosso cérebro trabalham. Nosso sistema visual normalmente tem três tipos de fotorreceptores cônicos que cada um captura luz de diferentes comprimentos de onda (vermelho, verde e azul) a partir do espectro visível. Nosso cérebro então compara as informações desses receptores para criar uma percepção de cor.

Continua depois da publicidade

Para as flores polinizadas por insetos, especialmente abelhas, é interessante considerar que elas têm uma visão de cor diferente da dos seres humanos.

As abelhas têm fotorreceptores sensíveis aos comprimentos de onda ultravioleta, azul e verde, e também mostram uma preferência por cores “azuis”. A razão pela qual as abelhas têm preferência por flores azuis continua sendo um campo aberto de pesquisa.

Por que entender as flores azuis é importante

Cerca de um terço de nossos alimentos depende da polinização por insetos. Entretanto, as populações mundiais de abelhas e outros insetos estão em declínio, potencialmente devido à mudança climática, fragmentação do habitat, práticas agrícolas e outros fatores causados pelo homem.

Continua depois da publicidade

Relacionado: Abelha de 100 milhões de anos ainda com pólen é descoberta

A capacidade das plantas floríferas de produzir cores azuis está ligada à intensidade do uso da terra, incluindo fatores induzidos pelo homem como a fertilização artificial, o pastoreio e o corte de árvores que reduzem a frequência das flores azuis. Em contraste, ambientes mais estressantes parecem ter relativamente mais cores florais azuis para proporcionar resiliência.

Por exemplo, apesar da aparente raridade das cores das flores azuis na natureza, observamos que em condições adversas, como nas montanhas do Himalaia, as flores azuis eram mais comuns do que o esperado. Isto mostra que em ambientes difíceis as plantas podem ter que investir muito para atrair os poucos polinizadores de abelhas disponíveis e essenciais. Assim, as flores azuis parecem existir para melhor anunciar aos polinizadores de abelhas quando a competição pelos serviços de polinização é alta.

Continua depois da publicidade

Saber mais sobre as flores azuis ajuda a proteger as abelhas

Os ambientes urbanos também são habitats importantes para a polinização de insetos, incluindo abelhas. Ter jardins com flores, incluindo flores azuis que tanto nós quanto as abelhas apreciamos, é uma contribuição conveniente, agradável e potencialmente importante para permitir um futuro sustentável. Basicamente, plante e mantenha uma boa variedade de flores, e os insetos polinizadores surgirão.


Artigo traduzido de The Conversation sob uma licença Creative Commons. Leia o artigo original. Tradução de Redação SoCientífica.

Continua depois da publicidade

Mais lidas

Animais

Há aproximadamente 400 anos houve uma grande onda de frio que assolou todo o globo terrestre. O gelo atingiu a ilha de Ellesmere no...

Animais

Com a capacidade de aprender a resolver problemas assim como os humanos, os polvos são uma das espécies mais inteligentes do oceano. Esses animais...

Animais

Um novo teste de inteligência em uma espécie cefalópode reforçou como é importante não subestimar a inteligência animal. Os chocos foram submetidos a uma...

Animais

O pequeno molusco pode até redesenhar a forma dos rios.