Yggdrasil é uma árvore que permeia toda a mitologia nórdica, especialmente na Era Viking. Acreditava-se que ela sustentava todo o universo, desde Hel, o mundo subterrâneo, até Asgard, o reino celestial. Todas as vias levam os seres viventes a Yggdrasil, sendo ela o centro do universo, aquela que conecta os Nove Mundos. É o local onde os deuses irão se reunir e anunciar o apocalipse.

O nome Yggdrasil 

O significado literal da palavra Yggdrasil é Cavalo de Odin. Yggr significa “terrível” ou “Odin” e drasill significa “cavalo”.  Entretanto, ela também significa forca. Isso se explica pelo fato de que, nas lendas nórdicas, Odin se enforcou na Yggdrasil, enquanto buscava incessantemente por conhecimento.

No tronco Yggdrasil havia runas feitas pelas três mulheres chamadas Norns, que criaram o destino. Essas runas continham os planos das Norns para os Nove Mundos. Tal fato intrigou Odin em sua busca por conhecimento. Portanto, ele foi até a árvore lendária e se enforcou nela.

Esse fato é contado pelo poema nórdico Hávamál:

Sei que
durante nove longas noites pendurado em uma árvore ventosa ,
ferido por uma lança, dedicado a Odin, a
mim mesmo,
naquela árvore da qual ninguém sabe
de onde saem suas raízes.

Ninguém me deu pão nem chifre,
olhei para baixo,
peguei as runas, gritei peguei,
caí daí daí.

Ao entender as runas, Odin caiu de seus galhos como um dos deuses mais poderosos da mitologia nórdica. Contudo, essa experiência de Odin com a árvore é somente uma parte pequena de sua história.

Yggdrasil unindo os Nove Mundos. / Imagem: Dailymythogies

Como a árvore da vida nórdica une o cosmos

A Yggdrasil também toca todas as partes do universo, tocando todos os Nove Mundos, sendo eles Asgard, Álfheim, Niðavellir, Midgard, Jötunheimr, Vanaheim, Niflheim, Muspelheim e Hel.

Imagina-se que Asgard, que é o lar dos deuses, esteja nos galhos mais altos, enquanto Midgard, o reino do homem, está no meio do tronco, e, por fim, Hel, o submundo nórdico, em suas raízes.

A Yggdrasil como lar

Ela atua como o lar de incontáveis criaturas mitológicas, como Four stags, Dainn, Dvalinn, Duneyrr e Durathror, que mordiscam as folhas da árvore. Em sua base, está um dragão chamado Nidhogg. Enquanto uma águia sem nome senta-se nos seus galhos superiores. Além disso, o esquilo Ratatoskr corre para cima e para baixo no tronco da árvore, levando insultos entre a águia e o dragão.

Em vista disso, ela não é um lugar de conhecimento pacífico, como falado nos poemas nórdicos Poetic Edda:

A cinza de Yggdrasil sofre
mais agonia do que os homens imaginam:
um cervo a morde de cima, e ela se decompõe nas laterais,
e Nidhogg [a serpente] a rasga por baixo.

Yggdrasil e o Ragnarök

É a Yggdrasil que irá anunciar o Ragnarök, o fim do mundo nórdico. Entretanto, ela irá resistir a tempestade e irá gerar uma nova ordem mundial. Então, um homem chamado Liv e uma mulher chamada Livtraser, se abrigarão sob seus galhos. E, enfim, quando o Ragnarök chegar ao fim, os dois começarão a raça humana novamente.

AVISO: Esta publicação é de divulgação e educação sobre temas relacionados à saúde e não substitui o acompanhamento profissional de um médico, psicólogo, nutricionista ou outro especialista.

PROPAGANDA

Últimas matérias

Próximo Post