Connect with us

Hi, what are you looking for?

Plantas & Animais

Cães sentem ciúmes só de imaginar dono com outro cão

Estudos mostram que mesmo pensamentos podem causar ciúmes em cães. (Imagem de Free-Photos por Pixabay )

Diversos vídeos na internet mostram como cães e outros pets podem demonstrar ciúmes em diversas situações. Contudo, ainda há poucos estudos que indiquem realmente a existência desse sentimento nos pets, apesar dele ser evidente para nós, muitas vezes. Buscando mudar isso, pesquisadores da Universidade de Auckland estudaram a capacidade de cachorros sentirem ciúmes dos seus donos.

Para avaliar essa característica, os autores do artigo prenderam 18 cães em coleiras em uma sala com seus respectivos donos. Por conseguinte, os pesquisadores pediram que os donos fizessem carinho em cachorros de pelúcia e em um objeto cilíndrico sem semelhança com qualquer animal.

Para avaliar o ciúme dos doguinhos, os pesquisadores mediram a intensidade das puxadas em suas coleiras. Isso porque é possível observar esse comportamento em crianças também. Ou seja, quando uma criança vê sua mãe ou pai com outra criança, seu primeiro instinto é afastar o rival. A mesma coisa acontece com os cães.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Os resultados mostraram que os cães puxaram mais intensamente quando os donos estavam acariciando o animal de pelúcia. Ademais, quando os pesquisadores esconderam o bicho de pelúcia (mas o dono continuou fazendo carinho neste à vista do seu cão) os animais continuaram sentindo ciúmes e puxando a coleira.

Isso indica, de acordo com os autores, que não só os cães são capazes se sentir ciúmes, mas também o fazem mesmo quando não têm uma imagem à vista que os faça sentir ciúmes.

Causa evolutiva para ciúmes

Uma das principais características que os humanos selecionaram, assim, ao longo de milhares de anos, nos cães é a sociabilidade. Outros pets em geral também têm essa característica e por isso é difícil ter a mesma relação com animais selvagens.

Publicidade. A leitura continua abaixo.
StockSnap/Pixabay

Contudo, o ciúme faz parte da sociabilidade tanto para os cães quanto para os Homo sapiens. Afinal, quem não fica com ciúme ao ver seu pet brincando mais com outra pessoa do que com você? De qualquer forma, fato é que o ciúme ajuda a manter grupos mais coesos socialmente, evitando ou pelo menos aumentando a cautela com outsiders.

Deste modo, o ciúme pode ter tido um papel fundamental na evolução dos cães, que nos acompanham já há pelo menos 40.000 anos. Esses resultados são importantes a ser levar em consideração mesmo no dia-a-dia do seu cãozinho (ou qualquer outro animal de estimação). É importante dar tanta atenção a um bicho quanto seja dada a outro animal próximo.

O artigo científico está disponível no periódico Psychological Science.

Publicidade. A leitura continua abaixo.
Mateus Marchetto
Publicado por

Aluno de Ciências Biológicas da Universidade Federal do Paraná, professor de inglês, apaixonado por ciência e divulgação científica. Me interesso principalmente pelas áreas de microbiologia, bioquímica e bioinformática.

Faça um comentário

Mundo Estranho

O jovem de 23 anos Eik Júnior Monzilar Parikokoriu precisou percorrer nove quilômetros com a ave presa à garganta até chegar num pronto-socorro.

Espaço

Planeta Nove? Plutão deixou de ser planeta? Descubra agora quantos e quais são planetas do Sistema Solar.

Mente & Cérebro

Nas últimas décadas, inúmeras pesquisas mostraram a relação entre amamentação e a saúde da criança. Sabe-se, por exemplo, que a amamentação ajuda no desenvolvimento...

Planeta & Ambiente

Nukumi, uma grande fêmea de tubarão-branco marcada no ano passado está cruzando o Atlântico já faz dois meses. De acordo com especialistas, ela pode estar...