Connect with us

Hi, what are you looking for?

História & Humanidade

O mais antigo acampamento viking pode ter sido descoberto na Islândia

Mais antigo acampamento viking pode ter sido descoberto na Islândia
Os objetos mais valiosos estavam na casa mais nova, provavelmente o salão de algum chefe viking. (Imagem: Bjarni Einarsson)

Foi descoberto na Islândia o que pode ser o mais antigo acampamento viking do país. Os arqueólogos acreditam que esse assentamento de verão tenha sido construído nos anos 800, algumas décadas antes de refugiados marítimos se estabelecerem naquelas terras.

Conforme o arqueólogo Bjarni Einarsson, o líder do trabalho de escavações, era uma casa comprida e cheia de tesouros. “O salão mais jovem é o mais rico da Islândia até agora”, disse Einarsson à Live Science. “É difícil não concluir que é a casa de um chefe”, completou.

Além dessa casa maior, os arqueólogos localizaram outra, também grande, mas sem comparação com o tamanho da principal.

Continua depois da publicidade

Antigo acampamento viking revela um tesouro incrível

Durante a Era Viking, eram comuns as construções de grandes salões de madeira, medindo 75 metros de comprimento e 6 metros de largura. Essas estruturas eram cobertas com grama e palha, e serviam para a moradia comunitária.

Essas casas eram divididas em quartos e eram habitadas por diversas famílias. Além disso, as casas tinham lareiras de pedra, para esquentar durante as épocas mais frias.

O antigo acampamento viking foi localizado no leste da Islândia. Assim, a construção mais nova é do ano 874. Nessa época as pessoas estavam fugindo do rei norueguês Harald Fairhair. Segundo o arqueólogo Einarsson, a descoberta apresenta um dos tesouros mais ricos da Escandinávia, com moedas antigas, prata e contas ornamentais.

Continua depois da publicidade
Além dessa casa maior, os arqueólogos localizaram outra, também grande, mas sem comparação com o tamanho da principal. (Imagem: Bjarni Einarsson)

Nas escavações do salão de 40 metros de comprimento foram achados anéis, pesos e um pequeno utensílio de ouro. Possivelmente esses objetos foram adquiridos por meio de negociações em troca de recursos locais, como carnes e peles.

Descoberta feita na Islândia ainda guarda segredos

Abaixo dessa casa cheia de tesouros havia uma construção ainda mais antiga. De acordo com análises químicas, teria sido erguida em um período anterior aos assentamentos permanentes na Islândia.

Para Einarsson, pode ter sido um acampamento sazonal, utilizado somente durante o verão e no máximo até o outono. Nessa região do país eles poderiam consumir ou comercializar peixes, baleias, focas e pássaros.

As partes analisadas da construção indicam que essa é uma das maiores casas já encontradas na Islândia. Além disso, o acampamento islandês é semelhante a um descoberto na Terra Nova, no Canadá, datado de 1.000 d.C.

Continua depois da publicidade

“Esse era um padrão de assentamento das ilhas no Oceano Atlântico”, disse Einarsson. “Primeiro, tivemos os acampamentos sazonais e depois o acordo”.

Mais antigo acampamento viking pode ter sido descoberto na Islândia2
Alguns dos achados nas escavações. (Imagem: Bjarni Einarsson)

Um pouco mais sobre o projeto

Faz mais de duas décadas que Einarsson comanda uma empresa de arqueologia privada. Em 2009 escavou um assentamento da Era Viking em Vogur, na costa oeste da Islândia. Naquele local, provavelmente os habitantes dependiam de caça às morsas, já que elas tinham marfim, além de fornecerem pele e carne.

As ruínas das casas compridas em Stöð foram achadas em 2007, mas as escavações começaram somente em 2015. Assim, o projeto é financiado pelo Fundo Arqueológico da Islândia, o governo local e empresas da região, assim como pessoas físicas.

Com informações de Live Science.

Continua depois da publicidade
Erik Behenck
Publicado por

Erik Behenck é jornalista, adora novas descobertas e apaixonado pela escrita.


Populares hoje