HomeAuthorRedação, Autor em Socientífica

https://i0.wp.com/socientifica.com.br/wp-content/uploads/2019/07/Lagarto-da-língua-azul-Tiliqua-scincoides.jpg?resize=1280%2C720&ssl=1

Segundo pesquisa, o filhote de lagarto de língua azul australiano, nome científico Tiliqua scincoides, é tão esperto quanto o adulto da mesma espécie. A pesquisa revela que, assim que nascem, os filhotes ficam por conta própria, sobrevivendo sem o apoio e a proteção dos pais. Os adultos da espécie podem crescer até 600 milímetros de comprimento e usufruir dos benefícios das escamas grossas e de uma mordida poderosa, mas os jovens são muito mais pequenos...

https://i0.wp.com/socientifica.com.br/wp-content/uploads/2019/07/composto-de-planta-brasileira-combate-leishmaniose-e-doenca-de-chagas.jpg?resize=1200%2C562&ssl=1

Saúde e Bem-EstarComposto de planta brasileira combate leishmaniose e doença de Chagas

Elton Alisson, Agência FAPESP2 dias atrásPesquisadores do Instituto Adolf Lutz constatam que substâncias sintetizadas de molécula da canela-seca são capazes de matar os parasitas transmissores dessas doenças negligenciadas (fotos: Ana Claudia Torrecilhas e J. P. Maçaneiro/Flora Digital)

Um composto natural isolado de uma planta originária da Mata Atlântica, popularmente conhecida como canela-seca ou canela-branca (Nectranda leucantha), pode resultar em novos medicamentos para o tratamento da leishmaniose visceral e da doença de Chagas. Pesquisadores do Instituto Adolfo Lutz constataram em um estudo apoiado pela FAPESP que substâncias derivadas de uma molécula da planta, pertencente ao grupo das neolignanas, são capazes de combater os parasitas transmissores dessas doenças que afetam milhões de pessoas no...

https://i0.wp.com/socientifica.com.br/wp-content/uploads/2018/04/lizard-1_16x9.jpg?resize=699%2C393&ssl=1

Se você vivesse onde hoje é Wyoming, há 49 milhões de anos, poderia ter visto um lagarto de quatro olhos – o primeiro e único exemplo conhecido de uma criatura de vertebrados com mandíbula. A espécie, um lagarto monitor extinto chamado Saniwa ensidens (acima), tinha dois olhos padrões e também ostentava os chamados “olhos” pineais e parapineais no topo de sua cabeça (mostrados como pontos brancos na imagem reconstruída abaixo). Os pesquisadores descobriram isso observando mais de...

https://i2.wp.com/socientifica.com.br/wp-content/uploads/2019/07/Eclipse-Lunar-lua-de-sangue.jpg?resize=1280%2C720&ssl=1

Na noite do cinquentenário do lançamento da Apollo 11, nosso satélite será parcialmente mergulhado na escuridão da sombra da Terra. Um eclipse lunar será visível em quase todo o mundo. Para os terráqueos, 2019 é o ano da Lua. Por um lado, por causa do 50º aniversário dos primeiros da humanidade na Lua com a missão Apollo 11 e, por outro lado, porque o nosso satélite nos oferece dois eclipses. Um no início do ano,...

https://i0.wp.com/socientifica.com.br/wp-content/uploads/2019/07/peixe-gigante-engolindo-tubarão.jpg?resize=1024%2C415&ssl=1

Pesquisadores da NOAA, a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos EUA, se depararam com dois eventos raros do mar profundo: o primeiro, tubarões se banqueteando com a carcaça de um peixe espada e, o segundo, um peixe gigante engolindo inteiro um desses tubarões. Enquanto faziam imagens com um rover aquático, os cientistas faziam comentários da raridade de poder presenciar aquele tipo de banquete no fundo do oceano quando, sem avisar, uma garoupa surge das sombras...

https://i0.wp.com/socientifica.com.br/wp-content/uploads/2019/07/papiro-cristão-mais-antigo-encontrado.jpg?resize=1000%2C500&ssl=1

Uma pesquisadora anunciou que ela encontrou a carta cristã mais antiga conhecida, escrita no Egito romano do século III da Era Comum. A carta é mais antiga do que todas as provas documentais cristãs anteriormente conhecidas do Egito romano. O Egito desempenhou um papel muito significativo na história do cristianismo primitivo, já que à época era dominado pelo Império Romano. Descobrir esse documento é uma forma de entrar na vida dos primeiros seguidores de Jesus...

https://i1.wp.com/socientifica.com.br/wp-content/uploads/2019/07/cancer-de-mama.jpg?resize=758%2C456&ssl=1

O câncer de mama é a principal causa de morte relacionada ao câncer entre as mulheres. Também é difícil de diagnosticar. Quase 1 em cada 10 cânceres é diagnosticado erroneamente como não canceroso, o que significa que um paciente pode perder tempo crítico de tratamento. Por outro lado, quanto mais mamografias uma mulher tiver, mais provável será que ela veja um resultado falso positivo. Após 10 anos de mamografias anuais, cerca de duas em cada...