Connect with us

Hi, what are you looking for?

Espaço

Japão revela ao mundo a imagem do pó do asteroide Ryugu

Pó do asteroide Ryugu
Resíduo de amostra de asteróide preto na parte externa do recipiente de coleta. (JAXA)

A poeira de areia preta encontrada em uma cápsula trazida à Terra pela sonda espacial japonesa é do distante asteroide Ryugu. Os cientistas confirmaram após abri-lo na segunda-feira.

A descoberta ocorre uma semana depois que a sonda Hayabusa-2 caiu de sua cápsula. Por sua vez, ela entrou na atmosfera em um raio de luz antes de pousar no deserto australiano. Em seguida, foi transportada para o Japão.

Assim, a agência espacial japonesa (JAXA) divulgou uma imagem de um pequeno depósito de material fuliginoso dentro da caixa de metal. Esse é um primeiro vislumbre dos resultados de uma missão sem precedentes que durou seis anos para a sonda sem parafusos. A poeira foi encontrada na parte externa da cápsula, disseram os funcionários da agência. Porém, as amostras mais substanciais foram encontradas quando eles abriram o recipiente interno, uma tarefa delicada.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Amostras do asteroide Ryugu

A JAXA confirmou que as amostras derivadas do asteroide Ryugu estão no contêiner, disse a agência. Segundo os cientistas, eles foram capazes de confirmar partículas pretas semelhantes a areia que seriam sim provenientes do asteroide.

Resíduo de amostra de asteróide preto na parte externa do recipiente de coleta. (JAXA)

Hayabusa-2 viajou cerca de 300 milhões de quilômetros da Terra para coletar as amostras. Então, a equipe espera que a sonda possa ajudar a lançar luz sobre a origem da vida e a formação do universo.

estrutura do conteiner
Estrutura do contêiner de amostra (crédito: JAXA)

A sonda coletou poeira da superfície e material puro abaixo da superfície agitada pelo disparo de um “impactor” no asteroide. A JAXA disse continuar o seu trabalho para abrir o coletor de amostras dentro do recipiente. Ou seja, a extração da amostra e a análise serão realizadas.

Ainda mais, metade dessas amostras do Hayabusa-2 será compartilhada entre a JAXA, a agência espacial dos Estados Unidos (NASA) e outras organizações internacionais. O restante será mantido para estudos futuros conforme os avanços alcançados na tecnologia científica.

Mas o trabalho ainda não acabou para a sonda. Agora, ela iniciará uma missão estendida visando dois novos asteroides.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Mais informações sobre o Ryugu

A JAXA enviou a sonda Hayabusa-2 para o asteroide Ryugu em 2014. A sonda já coletou uma quantidade considerável de dados inestimáveis que ajudam os cientistas a entender melhor o sistema solar primitivo.

Desde a chegada ao Ryugu, a Hayabusa-2 já tirou fotos e realizou medições sobre a composição da superfície do asteroide. Alguns dados revelaram que não há água na localidade. Então, o asteroide Ryugu é uma rocha espacial seca.

Além de outras peculiaridades descobertas, como o formato de pião e a crista equatorial que sugerem que ele pode ter girado cerca de duas vezes mais rápido do que agora. Assim, completando uma volta em menos de quatro horas. As medições já mostraram sua superfície bem uniforme. Também é extremamente escuro e reflete menos de 2% da luz que chega até o asteroide.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Concluindo, Ryugu é bem jovem considerando os padrões dos asteroides, de 100 milhões de anos. O que demonstra o quão seco ele é e que o corpo do asteroide-mãe estava extremamente desprovido de água também. Por fim, desde 2019, a sonda vem trazendo amostras do asteroide para a Terra.

Amanda dos Santos
Publicado por

Trabalha como redatora e produtora de conteúdo. Graduada em Comunicação Social e atua como colaboradora na SoCientífica.

Notícia

Durante o desenvolvimento embrionário, os mamíferos (a maioria deles) crescem na cavidade do útero da mãe. Esse ambiente vai se dilatando e desenvolvendo ao...

Mundo Estranho

O jovem de 23 anos Eik Júnior Monzilar Parikokoriu precisou percorrer nove quilômetros com a ave presa à garganta até chegar num pronto-socorro.

Saúde & Bem-Estar

Os exercícios de alta intensidade de intervalos (HIIT) se tornaram populares nos últimos anos por uma série de razões. Eles não exigem tanto tempo...

Espaço

Planeta Nove? Plutão deixou de ser planeta? Descubra agora quantos e quais são planetas do Sistema Solar.