Connect with us

Hi, what are you looking for?

História & Humanidade

Ferramentas pré-históricas de 480.000 anos descobertas na Inglaterra

(Imagem: UCL Institute of Archaeology)

Arqueólogos identificaram ferramentas de ossos milenares feitas a partir de restos de cavalo. São as ferramentas pré-históricas mais antigas já encontradas na Europa.

Escavações em Boxgrove, um local do Pleistoceno Médio em West Sussex, desenterraram os instrumentos nas décadas de 1980 e 1990.

Explorando as ferramentas pré-históricas

O líder do projeto de novas escavações no local de Boxgrove, o arqueólogo Dr. Matthew Pope, do Instituto de Arqueologia da UCL, explicou que as ferramentas pré-históricas desenterradas são de ossos de cavalo.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Ainda mais, essas são as mais antigas evidências de fabricação de ferramentas de ossos já descobertas na história da arqueologia européia.

Escavação de ferramentas da pré-história

Escavação do sítio de Boxgrove, em West Sussex,1990. (Imagem: UCL Institute of Archaeology)

Não foram nós

A evidência sugere que um antigo grupo de Homo heidelbergensis – um possível ancestral dos humanos modernos e Neandertais – habitou o mundo há cerca de 500.000 anos e foi responsável pelas evidências encontradas pelos pesquisadores.

É possível que esse grupo tenha realizado um ato de carnificina no local.

O grupo de 30 a 40 hominídeos reuniu-se em uma cova de cascalho rochoso para um banquete. A multidão, equipada com martelos de pedra e machados de sílex afiados, se uniu em um processo de mutilação de um cavalo. Possivelmente, esse cavalo estava na borda de um extenso pântano costeiro.

Publicidade. A leitura continua abaixo.
Banquete realizado por primatas

Uma ilustração artística de um grupo de Homo heidelbergensis que matou um grande cavalo em Boxgrove, no sul da Inglaterra (Imagem: Lauren Gibson)

Os pesquisadores usaram um processo chamado readequação para juntar os tipos de ferramentas de pedra feitas no local. Um tipo de quebra-cabeça foi o resultado composto de mais de 100 lascas de sílex.

De acordo com os arqueólogos, os antigos hominídeos precisavam de martelos de osso para fazer lâminas de sílex, bem como outras ferramentas de pedra descobertas no local. Alguns dos joelhos e ossos da perna do cavalo abatido apresentaram sinais de tal uso.

Fragmentos de sílex e ferramenta da pré-história

Este pedaço de sílex é feito de mais de 100 fragmentos de sílex coletados ao redor do local de Boxgrove e meticulosamente ajustados de volta pelos pesquisadores. (Imagem: UCL Institute of Archaeology)

Essas são algumas das primeiras ferramentas pré-históricas que não são de pedra encontradas no registro arqueológico da evolução humana, relatou Simon Parfitt, arqueólogo da UCL.

Do mesmo modo, essas ferramentas foram essenciais para a fabricação das facas de sílex finamente feitas e encontradas na paisagem mais ampla de Boxgrove.

Como as ferramentas foram preservadas?

Essa descoberta representa um momento “congelado no tempo”.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Dr. Pope declarou que esta era uma oportunidade excepcionalmente rara de examinar um local exatamente como ele havia sido deixado por uma população extinta.

A proximidade do local com a costa pode explicar essa preservação.

Na maré baixa, a carcaça ficava exposta, mas quando a maré subia, cobria os restos de lodo fino e pulverulento com argila. O que sugere o congelamento suave da cena no tempo.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Ao mesmo tempo, as varreduras a laser mapeando a posição exata de cada artefato permitiram que os pesquisadores recriassem totalmente a cena.

A ferramenta pré-histórica e as características de uma comunidade

Além da descoberta de ossos de cavalo abatidos, resultado desse evento sanguinário congelado no tempo, a presença de muitas pessoas no local fornece novas informações.

Em suma, essas pessoas presentes podem ter formado uma comunidade profundamente antiga, com estrutura social.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Ao menos em primeira análise, temos o comportamento de um único grupo aparentemente unido de humanos primitivos.

Em última análise, uma comunidade de pessoas, jovens e velhos, trabalhando juntos de uma forma cooperativa e altamente social.

Com informações de Ancient Origins e Smithsonian Magazine.

Publicidade. A leitura continua abaixo.
Amanda dos Santos
Publicado por

Trabalha como redatora e produtora de conteúdo. Graduada em Comunicação Social e atua como colaboradora na SoCientífica.

Tecnologia

Cientistas estão trabalhando em um novo tipo de propulsão hipersônica que poderia permitir aviões voarem a mais de 20.000 km/h (Mach 17).

Plantas & Animais

Minúsculas criaturas, os rotíferos bdelóides, ficaram congelados no permafrost por 24.000 anos e foram recentemente trazidos de volta à vida, produzindo clones em um...

Sociedade & Cultura

O povo Tsimane é uma tribo indígena amplamente isolada que vive na Amazônia boliviana.  Estas pessoas levam uma vida muito diferente da nossa. E eles...

Notícia

Por muitos anos, a ecolocalização humana tem sido uma forma de percepção para pessoas que perderam a visão. Apesar disso, poucas pesquisas reforçavam essa...