Connect with us

Hi, what are you looking for?

SoCientífica
Solar orbiter foto
Solar orbiter foto
ESA / NASA

Espaço

Solar Orbiter capturou Vênus, Terra e Marte em imagens incríveis

A nave espacial Solar Orbiter está indo em direção ao centro do Sistema Solar, com o objetivo de capturar as imagens mais próximas já tiradas de nosso Sol.

A nave espacial Solar Orbiter está indo em direção ao centro do Sistema Solar, com o objetivo de capturar as imagens mais próximas já tiradas de nosso Sol. Mas durante seu voo, a espaçonave se voltou para trás para olhar em direção a sua casa. Ela capturou Vênus, Terra e Marte juntos, a cerca de 250 milhões de quilômetros de distância.

Vênus está à esquerda, Terra (meio) e Marte (direita). As estrelas são visíveis ao fundo. Confira:

Continua depois da publicidade
Solar Orbiter
A espaçonave Solar Orbiter obteve esta imagem de três planetas do Sistema Solar: Vênus (esquerda), Terra (meio) e Marte (direita). As estrelas são visíveis ao fundo. Imagem tirada em 18 de novembro de 2020. (ESA / NASA)

Esta imagem une um grande grupo de fotos tiradas de nosso planeta natal de missões como Voyager, Cassini, Mars Express, e Mars Reconnaissance Orbiter.

O Solar Orbiter foi lançado em fevereiro de 2020 e devolveu suas primeiras imagens em julho de 2020, incluindo a visão mais próxima já capturada do Sol. A Heliospheric Imager (SoloHI) é um dos dez instrumentos na espaçonave. Ele gravou a imagem e o vídeo curto, abaixo. Ele estava olhando para o lado do Sol para capturar detalhes sobre o vento solar e a poeira interplanetária, quando mostrou os três planetas.

Relacionado: Como a NASA contata as sondas distantes?

Vênus é o objeto mais brilhante do vídeo, a aproximadamente 48 milhões de quilômetros de distância do Solar Orbiter. A distância à Terra era de 251 milhões de quilômetros, e Marte estava a 332 milhões de quilômetros de distância.

Continua depois da publicidade

Levará cerca de dois anos para que a nave espacial alcance seu ponto de mira para ter a melhor visão do Sol. Um dos objetivos da missão é tirar as primeiras imagens das regiões polares do Sol, o que ajudará os cientistas a entender melhor a dinâmica da estrela.

O Solar Orbiter aproveitará os impulsos gravitacionais resultantes dos flybys da Terra e de Vênus para fazer a viagem. No momento da gravação, a nave se aproximava de Vênus para sua primeira passagem aérea de assistência gravitacional, o que aconteceu em 27 de dezembro. Vênus e as naves espaciais terrestres aproximarão a nave do Sol e inclinarão sua órbita a fim de observar nossa estrela de diferentes perspectivas.

Impressão artística da espaçonave Solar Orbiter durante um sobrevoo da Terra. 
(ESA)

Você pode rastrear a localização do Solar Orbiter com esta tabela interativa. A nave fará sua segunda passagem aérea de Vênus em agosto de 2021, e a da Terra em novembro de 2021.

Continua depois da publicidade

Mais lidas

Animais

Há aproximadamente 400 anos houve uma grande onda de frio que assolou todo o globo terrestre. O gelo atingiu a ilha de Ellesmere no...

Animais

Um novo teste de inteligência em uma espécie cefalópode reforçou como é importante não subestimar a inteligência animal. Os chocos foram submetidos a uma...

Planeta & Ambiente

Daqui a um bilhão de anos, a atmosfera conterá muito pouco oxigênio, tornando-a inabitável para a vida na Terra. Ao menos, as vidas aeróbicas...

Espaço

Pela primeira vez, um furacão espacial foi detectado. Esse nome se deu porque ele foi descoberto na alta atmosfera da Terra. Em 2014, os...