Connect with us

Hi, what are you looking for?

Pets

Seu gato gosta mais de você do que da própria comida

(Imagem de 123RF)

Cientistas da universidade de Oregon descobriram que os gatos têm mais lealdade aos donos do que se imaginava. Antes pensava-se que o gato “vivia por conta própria” e alguns até mesmo levantaram a hipótese de que ele só vive ao redor dos humanos por causa da comida fácil que recebe.

Ao contrário da crença popular, a pesquisa, publicada em 2017 no periódico Behavioural Processes, revelou que a maioria dos gatos prefere a interação com as pessoas, ao invés de brinquedos, alimentos e estímulos olfativos (cheiros agradáveis).

As pesquisadoras Christine Vitale Shreve, Lindsay Merkham e Monica Udell sugerem que os gatos são bastante mal compreendidos, pois de acordo com pesquisas recentes, eles têm habilidades sociocognitivas complexas. Ou seja, a crença comum de que os gatos não são tão sensíveis aos estímulos sociais pode estar equivocada simplesmente porque as pessoas não sabem que ações específicas os gatos acham estimulante.

Continua depois da publicidade

Para avaliar até que ponto os gatos gostam de certas coisas, os pesquisadores testaram as respostas de dois grupos felinos (19 gatos cada). Um grupo consistia apenas de gatos que viviam em casas, enquanto o outro grupo consistia de gatos de um abrigo. Eles foram mantidos separados um do outro e das pessoas por duas horas e meia e, posteriormente, tiveram suas reações observadas.

(Imagem de Amna Sayeed do Pixabay)

O gato tem uma tendência a socializar

A cada animal foi oferecido alimento, algum cheiro interessante, um brinquedo ou uma oportunidade de interagir com um humano. Os estímulos foram misturados para diferentes gatos a fim de descobrir exatamente o que os animais mais gostavam. O grau de atração do estímulo foi medido com base no que ou para quem o gato foi primeiro, e quanto tempo durou essa interação.

Surpreendentemente, os cientistas descobriram que, independentemente de onde viviam, os gatos preferiam a companhia humana mesmo em detrimento da comida, com um total de 65% indo direto para os humanos. Isto, sugerem os pesquisadores, indica que os gatos gostam de estar perto de seus donos.

A pesquisa mostrou que o seu gato, assim como os que vivem soltos e em abrigos, tem uma tendência a se socializar com os humanos, independentemente do contato estreito e regular que tiveram antes com eles. A presença dessa característica parece bastante lógica para os animais que, há milênios, sempre estiveram ao lado dos humanos.

Continua depois da publicidade

*Aprenda mais sobre gatos em livros da Amazon

Da Redação
Publicado por

A SoCientífica, abreviação para Sociedade Científica, nasceu em agosto de 2014 da vontade de decifrar as novidades no mundo científico e transmiti-las para uma sociedade que depende da ciência e tecnologia mas que sabe muito pouco sobre elas. Em um momento em que a desconfiança está se sobressaindo e novas ondas negacionistas de evidências surgem, a SoCientífica está empenhada em ajudar a trazer iluminação para a sociedade novamente.


Populares hoje

Plantas & Animais

Novos estudos mostram que as tarântulas habitam o planeta por mais de 120 milhões de anos.

Notícia

Os hominídeos Homo antecessor são parentes bem antigos dos Homo sapiens. Esses humanos ancestrais habitavam vastas regiões da Europa entre 1,2 milhões e 800...

Ciência

Na Paleontologia, encontrar novas peças que pertenceram a milhões de anos atrás é um dos principais objetos de estudo. No entanto, durante uma expedição...

Plantas & Animais

Um estegossauro era um tanque de guerra feito de carne e ossos. Assim como outros grupos de dinossauros com armaduras naturais, os estegossauros possuíam...