Connect with us

Hi, what are you looking for?

Ciência

Estas são as mais antigas pinturas rupestres descobertas

E elas contam uma história!

(Imagem: MAXIME AUBERT / FIO PA)

É difícil saber ao certo quando exatamente os primeiros humanos começaram a contar histórias. Mas agora sabemos que há cerca de 43.900 anos atrás, as pessoas na ilha indonésia de Sulawesi começaram a contar algumas de suas histórias em imagens nas paredes das cavernas. Uma cena de caça, registrada através de pinturas rupestres descoberta recentemente em uma caverna remota na Indonésia, é a mais antiga pintura nas cavernas já registrada.

Em uma parede rochosa de 4,5 metros de comprimento e a cerca de 3 metros acima do chão em uma câmara superior de difícil acesso em um local chamado Liang Bulu’Sipong 4, antigas pinturas mostram porcos selvagens e búfalos anões enfrentam um grupo de caçadores estranhamente pequenos em vermelho escuro monocromático.

Pesquisadores descobriram antigas pinturas rupestres que representam cena de caça. (Imagem: Adam Brumm, Ratno Sardi e Adhi Agus Oktaviana
Adam Brumm, Ratno Sardi e Adhi Agus Oktaviana)

Liang Bulu’Sipong 4 é uma caverna que ainda está sendo remodelada por água corrente, e camadas de rocha começaram a crescer sobre a pintura em alguns pontos. Os minerais que formam essas camadas incluem pequenos vestígios de urânio, que com o tempo se decompõe em tório-230. Ao contrário do urânio, o tório não é solúvel em água e só pode entrar na rocha através da decomposição. Ao medir a relação entre o urânio-234 e o tório-230 na rocha, os arqueólogos podem dizer quão recentemente se formou a camada rochosa.

Os depósitos têm crescido lentamente ao longo do mural de caça por pelo menos 49.300 anos, o que significa que a pintura em si pode ser ainda mais antiga do que isso. Isso faz do mural Liang Bulu’Sipong 4 o registro mais antigo (que conhecemos) de uma história real.

Continua depois da publicidade

A história mais antiga já registrada por mãos humanas pode ser algo mais do que um registro de caça. De perto, os caçadores minúsculos não parecem muito humanos; muitos deles têm rostos estranhamente alongados, mais parecidos com focinheiras ou focinhos de animais. Um tem cauda e o outro parece ter bico.

Um gráfico explicativo publicado pela Griffith University. (Imagem: A. BRUMM / AAOKATVAIA / R.SARDI / CCLEE)

As figuras podem representar caçadores humanos vestidos com peles ou máscaras. No entanto, os pesquisadores dizem que eles se parecem mais com teriantropos: híbridos humano-animais que aparecem em culturas de todo o mundo, inclusive em pinturas de 15.500 anos nas cavernas de Lascaux, na França, e uma figura esculpida de 40.000 anos da Alemanha.

(Imagem: MAXIME AUBERT / FIO PA)

Em novas análises, talvez, se descubra que este pode não ser o desenho mais antigo, mas os pesquisadores afirmam que pode ser a história mais antiga já encontrada. Anteriormente, as obras de arte rupestre encontradas em sítios arqueológicos europeus com idades entre 14.000 e 21.000 anos eram consideradas as obras de arte claramente mais antigas do mundo. Mas como os próprios autores deixam claro, mais estudos são necessários.

Um local sagrado

Os arqueólogos não encontraram vestígios dos restos habituais da vida humana – ferramentas de pedra, ossos descartados e fogueiras – em qualquer lugar da caverna ou na câmara muito maior, que fica abaixo dela. E não é de se admirar: o Liang Bulu’Sipong 4 está situado em um penhasco a 20 metros acima do fundo do vale, e não se entra simplesmente. Isso leva a crer que a caverna pode ter sido um local sagrado ou muito importante para quem vivia naquela região.

Continua depois da publicidade

A caverna Sipong 4 de Leang Bulu ’em Sulawesi, Indonésia, onde foram descobertas as pinturas rupestres. (Imagem: Ratno Sardi)

Embora essa seja uma descoberta impactante, ainda é cedo para muita empolgação. Muitas pesquisas precisam ser feitas, outros sítios com pinturas rupestres também foram descobertos no local, os arqueólogos farão a datação das novas pinturas, e a partir disso, novas analises serão realizadas. E elas, talvez, forneçam novas pistas sobre as origens da mente humana moderna, que cria imagens, conta histórias e inventa mitos.

LEIA TAMBÉM: Evidências indicam populações humanas em todo o Brasil há 10 mil anos

O artigo científico que relata as descobertas foi publicado na revista Nature, você pode acessá-lo clicando aqui.

FONTE / Business Insider

Continua depois da publicidade
Avatar
Publicado por

Comentários

Populares hoje

Saúde & Bem-Estar

Surto de vômito entre cães foi identificado por pesquisadores como um novo tipo de coronavírus canino não transmissível a humanos.

Espaço

Após um documentarista divulgar imagens intrigantes acerca de um possível OVNI, o Pentágono confirmou sua autenticidade. Nas filmagens, o objeto voador estava sobrevoando um...

Saúde & Bem-Estar

O alumínio é um metal pesado que não é essencial para o corpo humano. Contudo, esse composto é altamente reativo biologicamente e diversos estudos...

Plantas & Animais

No dia 01 de Abril de 2009 cientistas anunciaram o nascimento do primeiro — e único — animal extinto já ressuscitado. Em um artigo...