Connect with us

Hi, what are you looking for?

Notícia

Pepitas de ouro foram encontradas em Marte?

NASA

O famoso rover Curiosity encontrou, em 2018, uma formação um tanto que incomum entre as rochas do Planeta Vermelho que reflete bem a luz e se assemelha a pepitas de ouro.

O pouso bem-sucedido do novo rover Perseverance no Planeta Vermelho distraiu brevemente a atenção do público de outro rover marciano, o Curiosity – até então o mais sucedido na história de Marte. No entanto, o robô explorador de seis rodas não perdeu tempo: trabalhando na crista Vera Rubin, ele estudou o afloramento (isto é, o afloramento da rocha) Highfield. Apesar de o Curiosity já ter visitado este local, os especialistas da NASA decidiram dar uma nova olhada nas formações geológicas que descobriu. Entre elas estava um achado que atraiu a atenção especial dos cientistas – um estranho pedaço de rocha brilhante, semelhante a uma pepita de ouro.

A pedra foi batizada de Little Colonsay e sua origem permanece um mistério. A primeira e mais óbvia suposição é que se trata de um meteorito que chegou a Marte das profundezas do espaço. No entanto, antes de confirmar ou refutar essa teoria, a Curiosity deve realizar uma análise química da substância. Uma ferramenta especial chamada ChemCam – um laboratório portátil que consiste em uma câmera, um espectrógrafo e uma instalação de laser – o ajudará nisso.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Pareidolias são comuns em Marte.

No entanto, esta não é a única descoberta interessante do rover. Por vários anos de trabalho, ele conseguiu encontrar um fragmento misterioso com uma superfície perfeitamente lisa (acabou por ser um pedaço de invólucro de plástico do próprio rover), bem como uma esfera lisa – uma formação geológica formada no processo de nódulo de rocha.

Os astrônomos da NASA adoram lembrar um incidente engraçado quando um rover “tropeçou” em rochas que se assemelham surpreendentemente a um esquilo – um exemplo clássico de pareidolia, uma espécie de ilusão de ótica em que o cérebro projeta as características de criaturas vivas familiares nos elementos do mundo circundante. Assim como podemos assumir que a pepita de ouro vista pelo Curiosity pode ser somente um reflexo de uma pareidolia também. O futuro nos dirá.

Damares Alves
Publicado por

Apaixonada pela natureza, me tornei redatora e hoje escrevo exclusivamente sobre ciência. Meu objetivo é que todos possam ter acesso a pesquisas importantes e descobertas incríveis que são realizadas todos os dias.

Faça um comentário

Mundo Estranho

O jovem de 23 anos Eik Júnior Monzilar Parikokoriu precisou percorrer nove quilômetros com a ave presa à garganta até chegar num pronto-socorro.

Espaço

Planeta Nove? Plutão deixou de ser planeta? Descubra agora quantos e quais são planetas do Sistema Solar.

Mente & Cérebro

Nas últimas décadas, inúmeras pesquisas mostraram a relação entre amamentação e a saúde da criança. Sabe-se, por exemplo, que a amamentação ajuda no desenvolvimento...

Planeta & Ambiente

Nukumi, uma grande fêmea de tubarão-branco marcada no ano passado está cruzando o Atlântico já faz dois meses. De acordo com especialistas, ela pode estar...