Connect with us

Hi, what are you looking for?

Planeta & Ambiente

Este infográfico mostra quanto do oceano nós não vemos

As profundezas abaixo da superfície do oceano  compreendem 95% do espaço da Terra, e a maior parte é inexplorada pelos seres humanos.

As pessoas muitas vezes esquecem ou nem param para pensar que os oceanos contêm muito mais do que a água que você vê logo abaixo da superfície. As profundezas abaixo da superfície do oceano  compreendem 95% do espaço da Terra, e a maior parte é inexplorada pelos seres humanos. Para colocar em perspectiva a incrível profundidade dos oceanos, o Xkcd.com criou a ilustração abaixo.

LEIA TAMBÉM: Cientistas criam mapa detalhado do vácuo do espaço; veja

Observe que a luz se quer pode alcançar a maior parte do oceano. Nem mesmo os cientistas estão familiarizados com tudo o que há lá em baixo:

Continua depois da publicidade

Para ver a imagem ampliada clique aqui.

De fato, chegar às profundezas do oceano é tão caro que apenas algumas pessoas raramente decidem tentar. Uma dessas pessoas foi Oscar James Cameron o cineasta cujos créditos incluem “Avatar” mergulhou em um minissubmarino de sua própria autoria no fundo do recesso mais profundo do planeta, afundando nas águas escuras do Pacífico ocidental a uma profundidade de quase sete quilômetros.

LEIA TAMBÉM: Continente antigo e misterioso é descoberto embaixo da Europa

Continua depois da publicidade

Cameron visitou a Fossa das Marianas, o lugar mais profundo da Terra a 11 km abaixo da superfície do Oceano Pacífico, em um minissubmarino em 2012. Ele foi a segunda pessoa a visitar essa área do oceano.

veículo utilizado por Cameron é único entre os submersíveis, seu eixo vertical destinado a acelerar sua descida e maximizar o tempo na parte inferior. Seu objetivo é explorar o fundo do mar escuro por seis horas, tirando fotos e extraindo amostras da fauna, antes de retornar a terra firme. Cameron, aos 57 anos, praticava ioga para treinar durante o que provavelmente levaria cerca de nove horas mantendo os joelhos dobrados e o corpo praticamente imóvel.

Ele  afirma que não viu nenhum monstro marinho, mas  descreveu a experiência como “fora deste mundo”.

Continua depois da publicidade

FONTES /  Business Insider / The New York Times

Avatar
Publicado por

Comentários

Populares hoje

Ciência

Na Paleontologia, encontrar novas peças que pertenceram a milhões de anos atrás é um dos principais objetos de estudo. No entanto, durante uma expedição...

Notícia

Os hominídeos Homo antecessor são parentes bem antigos dos Homo sapiens. Esses humanos ancestrais habitavam vastas regiões da Europa entre 1,2 milhões e 800...