Connect with us

Hi, what are you looking for?

História & Humanidade

Este é um sutiã de 600 anos descoberto em um castelo Autríaco

Sutiã de 600 anos é encontrado na Áustria
(Um sutiã que remonta à Idade Média descoberto na Áustria. Fotografia: AP)

Um sutiã de mais de 600 anos foi encontrado e, por incrível que pareça, ele é muito semelhante a alguns modelos atuais.

Mas será que todas as mulheres da idade média usavam sutiãs? Ou somente as da nobreza?

O achado do sutiã de mais de 600 anos

 Uma pesquisadora e arqueóloga chamada Beatrix Nutz, da Universidade de Innsbruck, na Áustria, causou um grande alvoroço na BBC History, em agosto de 2012, quando anunciou que tinha desenterrado um sutiã do século XV.

Continua depois da publicidade
Um sutiã de 600 anos foi encontrado em um castelo medieval
(Um sutiã que remonta à Idade Média descoberto na Áustria. Fotografia: AP)

O sutiã foi encontrado em meio a terra de um castelo austríaco, juntamente com mais de 2.700 fragmentos têxteis escavados em 2008. Contudo, essa descoberta só se tornou pública há pouco tempo.

O mais incrível é que o sutiã se parece muito com uma versão moderna patenteado no século XX nos Estados Unidos.

Antes, pensava-se que o sutiã tivesse surgido depois do espartilho, no entanto, agora, ao que parece o sutiã veio primeiro. Essa curiosa descoberta só deixa claro que sabemos quase nada sobre nosso passado.

O que veio primeiro no vestuário feminino?

Como várias descobertas, o sutiã, ao que parece, esteve na moda há mais de 600 anos atrás, foi esquecido, e, no século XIX, foi reinventado. O achado do castelo Lengberg é a evidência mais antiga no momento. Até que se ache outra.

Continua depois da publicidade
Uma representação de como era o sutiã de 600 anos.  (Imagem cortesia de Beatrix Nutz)
Uma representação de como era o sutiã de 600 anos. (Imagem cortesia de Beatrix Nutz)

Algumas escritas, de acordo com Nutz, nos revelam um pouco mais sobre o vestuário das mulheres da época. Como, por exemplo, os escritos do cirurgião francês Henri de Mondeville (1260-1320).

Veja o que ele relatou sobre as mulheres de seios muito grandes da época:  “ [Elas] inserem duas sacolas em seus vestidos, ajustadas aos seios, ajustando-se bem, e as colocam nelas todas as manhãs e as prendem sempre que possível com uma faixa combinada.”

O achatamento e a contenção era resultado do padrão de beleza da época, pois seios muito grandes eram tidos como sendo uma desgraça.

Ao se arrumarem com seus sutiãs, elas queriam ter a atenção das pessoas, segundo um poeta alemão do século XV, que relatou o trecho seguinte de modo satírico: “Muitos fazem dois peitos, com eles ela percorre as ruas, para que todos os jovens que olhem para ela possam ver seus belos seios”.

Continua depois da publicidade

Ao que parece, somente as mulheres de classe alta usavam sutiãs, no entanto, não se sabe ao certo se mulheres pobres os usavam também.

Com informações de Smithsonian e BBC History.

Continua depois da publicidade
Avatar
Publicado por

É formando de Psicologia pela Faculdade do Futuro e redator freelancer focado no estudo do ser humano, seus comportamentos e na sociedade.


Populares hoje

Ciência

Na Paleontologia, encontrar novas peças que pertenceram a milhões de anos atrás é um dos principais objetos de estudo. No entanto, durante uma expedição...

Notícia

Os hominídeos Homo antecessor são parentes bem antigos dos Homo sapiens. Esses humanos ancestrais habitavam vastas regiões da Europa entre 1,2 milhões e 800...