Connect with us

Hi, what are you looking for?

Plantas & Animais

Einstein previu que os animais podiam ‘ver’ o campo magnético da Terra

Décadas antes de sabermos que os pássaros podiam “ver” o campo magnético da Terra, Albert Einstein já estava discutindo a possibilidade.

Carta de Einstein
(Imagem: (Dyer et al., J Comp Physiol A, 2021) Nature / Redação Socientífica)

Muito antes que descobríssemos que os animais podiam ‘enxergar’ e utilizar o campo magnético da Terra, Albert Einstein já discutia esta possibilidade, mostra uma antiga correspondência do físico.

Uma carta há muito perdida do famoso cientista para um engenheiro em 1949 e a pouco analisada por pesquisadores australianos revelou-se extraordinariamente presciente tanto no campo da biologia quanto da física. Ela revela que Einstein previu que os animais podiam ‘ver’ o campo magnético da Terra.

“É possível que a investigação do comportamento das aves migratórias e dos pombos-correio possa algum dia levar à compreensão de algum processo físico que ainda não é conhecido”, escreveu Einstein em sua correspondência.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Agora, mais de 70 anos depois, sabemos que ele acertou em cheio. As evidências sugerem que os pássaros podem sentir o campo magnético da Terra usando fotorreceptores especiais em seus olhos, que são sensíveis a mudanças sutis no campo magnético do planeta. Isso é o que lhes permite migrar milhares de quilômetros sem se perder.

Na carta, Einstein respondia as indagações de engenheiro Glyn Davys, embora somente a resposta do físico tenha sido encontrada, fica claro que a pergunta de Davys tinha algo a ver com a percepção animal e o que ela pode nos dizer sobre o mundo físico.

Confira a carta de Albert Einstein na íntegra:

Publicidade. A leitura continua abaixo.
Carta de Einstein
(Dyer et al., J Comp Physiol A, 2021)

Outros animais, como tartarugas marinhas, cães e abelhas e até tubarões também mostram uma capacidade fantástica de sentir os campos magnéticos do nosso planeta, embora não necessariamente através dos olhos.

Desde que a carta foi enviada, aprendemos muito sobre o comportamento das abelhas e como esses insetos curiosos percebem o mundo. Tal como Einstein previu, esse conhecimento já está nos ajudando a aprimorar a tecnologia.

Apesar de décadas de pesquisa, no entanto, ainda há muito mistério pela frente. Os mecanismos exatos pelos quais os animais percebem a luz ou sentem o campo magnético da Terra ainda estão sendo separados e podem não ser os mesmos para todas as espécies.

O estudo foi publicado no Journal of Physiology Comparativo A.

Publicidade. A leitura continua abaixo.
Damares Alves
Publicado por

Apaixonada pela natureza, me tornei redatora e hoje escrevo exclusivamente sobre ciência. Meu objetivo é que todos possam ter acesso a pesquisas importantes e descobertas incríveis que são realizadas todos os dias.

Faça um comentário

Tecnologia

Cientistas estão trabalhando em um novo tipo de propulsão hipersônica que poderia permitir aviões voarem a mais de 20.000 km/h (Mach 17).

Plantas & Animais

Minúsculas criaturas, os rotíferos bdelóides, ficaram congelados no permafrost por 24.000 anos e foram recentemente trazidos de volta à vida, produzindo clones em um...

Notícia

Por muitos anos, a ecolocalização humana tem sido uma forma de percepção para pessoas que perderam a visão. Apesar disso, poucas pesquisas reforçavam essa...

Plantas & Animais

Raças menores de cães geralmente apresentam comportamentos mais instáveis. Pode haver, portanto, diversos motivos para cachorros pequenos serem ferozes.