Connect with us

Hi, what are you looking for?

Espaço

Pesquisadores detectam oscilações na rotação de Marte pela primeira vez

(NASA/ESA/Hubble Heritage Team - STScI/AURA, J. Bell - ASU, M. Wolff - Space Science Institute via AP).

Os pesquisadores notaram, enfim, oscilações na rotação de Marte, marcando a primeira vez que alguém as detecta em um planeta que não a Terra. Conforme ele rotacional, há algumas pequenas oscilações laterais, ou seja, ele oscila fora de seu eixo de rotação – como quando um peão balança para os lados. No entanto, não é algo muito grande – apenas 10 centímetros ao longo de um ciclo de 207 dias que se repete constantemente. Os cientistas descreveram a descoberta em um novo estudo no periódico Geophysical Research Letters.  

Oscilação de Chandler

O fenômeno chama-se oscilação de Chandler, e ocorre também na Terra. No caso da Terra, o deslocamento é bem maior – chega a 9 metros de oscilação, em relação ao eixo de rotação. O astrônomo estadunidense Seth Carlo Chandler descobriu o fenômeno há mais de um século, em 1891. Então, o homenagearam dando seu nome. 

Mas ainda não se sabe o que o causa – nem na Terra, nem em Marte. Inicialmente, pensava-se que as oscilações terrestres sumiriam um século após a descoberta. Mas evidências experimentais demonstram que elas permanecem fortes como sempre, e não há perspectivas para o enfraquecimento ou redução delas.

Continua depois da publicidade

Mas não se preocupe. Uma movimentação lateral de nove metros ao longo de 433 dias é insignificante para nós e para o planeta; o mesmo para o caso de Marte. O ponto do fenômeno é o quanto ele intriga os astrônomos. O que causa as oscilações na rotação de Marte e da Terra?

As explicações mais aceitas variam entre mudanças na temperatura ou salinidade dos oceanos, movimentações oceânicas causadas pelos ventos, ou até mesmo mudanças climáticas. Mas o fato é que ninguém encontrou nenhuma evidência realmente forte que explique com absoluta certeza a oscilação de Chandler.

As oscilações na rotação de Marte

Para o estudo, eles utilizaram dados coletados durante um total de quase vinte anos de observações do planeta vermelho de diversas espaçonaves diferentes. 

Continua depois da publicidade
Mars Express, uma das sondas que orbitam Marte. (ESA).

“[A oscilação do Chandler] é um sinal muito pequeno, normalmente”, disse em um comunicado o engenheiro aeroespacial Alex Konopliv, do Laboratório de Propulsão à Jato (JPL) da NASA. “Você precisa de muitos anos e dados de alta qualidade para detectá-lo”. Os pesquisadores já tentaram medir a oscilação de Chandler em Marte anteriormente, mas não conseguiram precisão nem dados suficientes para diferenciar essas oscilações dos efeitos sazonais naturais do planeta. 

Conforme um comunicado da Eos, o portal de notícias da American Geophysical Union, embora saibamos pouco sobre as oscilações, elas podem trazer algumas revelações importantes sobre Marte. Já falamos, por exemplo, dos estudos sobre o interior de Marte pela sonda InSight, da NASA. Os novos dados das oscilações na rotação de Marte podem trazer alguns outros detalhes sobre o interior do planeta vermelho, como as deformações em seu manto e outras propriedades desses materiais internos. 

“É incrível que eles possam detectar isso”, diz o cientista planetário Francis Nimmo, da Universidade da Califórnia. “É uma prova do que você pode fazer com uma linha de base realmente longa de dados realmente bons”. 

O estudo foi publicado no periódico Geophysical Research Letters.

Continua depois da publicidade

Com informações de Live Science e Eos.

Avatar
Publicado por

É divulgador científico por paixão. Gradua-se em Física pela UFSCAR e atua principalmente na Ciencianautas e SoCientífica.


Populares hoje

Física & Química

O urânio é um elemento químico famoso pela aplicação em usinas de energia nuclear e bombas atômicas. Esse elemento radioativo tem o número atômico...

Planeta & Ambiente

Os filmes de ficção científica sempre nos fazem imaginar acerca de como seria o mundo caso um alienígena usasse seus “poderes” contra os humanos....

Plantas & Animais

Resgatar um animal é uma tarefa bastante complicada. Agora, imagine ter que salvar uma manada de uma espécie de girafa em extinção, que estão...

Notícia

Há 20 mil anos, a Terra estava passando pela mais recente de suas eras glaciais. Devido a alterações na atmosfera do planeta, enormes coberturas...