Connect with us

Hi, what are you looking for?

Plantas & Animais

Orcas estão ameaçadas devido à atividade humana

(Pixabay)

Uma equipe analisou a morte de Orcas no Oceano Pacífico e relacionou algumas mortes às atividades humanas.

Orcas ameaçadas pela atividade humana?

Uma equipe de pesquisadores canadenses examinou 53 orcas do Oceano Pacífico entre 2004 e 2013 para determinar a causa de suas mortes. Eles conseguiram então identificar as causas das mortes apontando para atividades humanas.

Os motivos variam desde engolir objetos como anzóis até atropelamento dos animais por navios. Seis dos animais que morreram foram atingidos por navios e outros três atingidos tiveram ferimentos traumáticos. Ainda mais, em um dos casos, uma orca morreu atingida pelas hélices do navio, ao se aproximar dele.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Além disso, outras orcas no estudo morreram de infecções, parasitas, anomalias congênitas e doenças reprodutivas.

Mas entre as causas destaca-se a desnutrição, que contribuiu para a morte de várias orcas. E isso pode ser consequência de ações humanas, como a pesca predatória e as mudanças climáticas. Esses problemas podem, portanto, reduzir a quantidade de alimentos no oceano que são da base alimentar desses animais. Ademais, a poluição também pode se acumular nos corpos das orcas e enfraquecer seus sistemas imunológicos.

A caça histórica ao animal

As orcas, ao contrário do que diz o nome popular “baleia-orca”, é na verdade um golfinho. Ela pertence à família de golfinhos de maior porte e é um predador ágil. Sua dieta inclui peixes, moluscos, aves, tartarugas, focas, tubarões, entre outros. Além disso, o animal habita todos os oceanos e pode pesar até nove toneladas.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Infelizmente, o animal virou alvo da caça comercial a partir do século XX, mas a atividade teve fim em 1981 com a implementação de uma moratória internacional sobre a caça à baleia.

A Noruega era o país que mais caçava as orcas, capturando em média 56 animais por ano entre 1938 a 1981. O Japão capturou em média 43 orcas por ano, entre os anos de 1946 a 1981. A União Soviética também caçou o animal e, em 1980, houve um pico nas atividades de caça ao animal e foram capturadas quase 1000 orcas.

Apelidada de “assassina”, sendo assim conhecida por ser um animal agressivo nas caças, ela está no topo da cadeia alimentar marinha. Exceto pelos humanos, ela não possui predadores.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Apesar disso, historicamente, as baleias assassinas sempre tiveram uma boa relação com humanos, inclusive com pescadores, a ponto de ajudá-los na pescaria – levando cardume de peixes até os pescadores.

Avatar
Publicado por

Matheus Gouveia é formado em Engenharia Elétrica e apaixonado por ciência e tecnologia. Atualmente é redator da SoCientífica e autor do blog "DoCaramba!".

Tecnologia

Cientistas estão trabalhando em um novo tipo de propulsão hipersônica que poderia permitir aviões voarem a mais de 20.000 km/h (Mach 17).

Plantas & Animais

Minúsculas criaturas, os rotíferos bdelóides, ficaram congelados no permafrost por 24.000 anos e foram recentemente trazidos de volta à vida, produzindo clones em um...

Sociedade & Cultura

O povo Tsimane é uma tribo indígena amplamente isolada que vive na Amazônia boliviana.  Estas pessoas levam uma vida muito diferente da nossa. E eles...

Notícia

Por muitos anos, a ecolocalização humana tem sido uma forma de percepção para pessoas que perderam a visão. Apesar disso, poucas pesquisas reforçavam essa...