Connect with us

Hi, what are you looking for?

Notícia

Mars Ice Challenge: Em busca de água

Para que os seres humanos sobrevivam em outros mundos, eles terão que aproveitar os recursos que existem lá, como a água, por exemplo. Uma competição recente realizada no Langley Research Center, da NASA, em Hampton, Virgínia, teve como objetivo encontrar maneiras de fazer exatamente isso. Dezenas de estudantes de sete universidades americanas viajaram para o centro de pesquisa para testar se seus projetos poderiam fazê-los conseguir extrair água do gelo subterrâneo marciano, que fora simulado no local.

“Marte é, em nossa geração, exatamente o cálice sagrado ao qual estamos procurando”, disse Shelley Spears, diretora de educação e divulgação do Instituto Nacional Aeroespacial, que administra o evento. Melhorar essas capacidades será um foco para a NASA nas próximas décadas, e o Mars Ice Challenge ofereceu uma maneira única de chegar lá.

“A NASA realmente se concentrou em tentar pôr todas as peças no lugar para chegar a Marte”, disse Richard Davis, diretor assistente de ciência e exploração na Divisão de Ciência Planetária da NASA, em Washington, DC. Apesar de décadas de estudo, “existem muitas coisas que ainda não sabemos sobre Marte”, disse.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

As recentes descobertas dos grandes depósitos de gelo abaixo da superfície do Planeta Vermelho têm feito os engenheiros da NASA trabalharem em maneiras de transformá-los em água, o que ajudaria a permitir a presença humana em Marte. “Há muitos recursos em Marte, mas a água é o principal”, disse Davis.


Em busca de água

A equipe de Wes Thomas, um dos estudantes, estava entre os oito que usavam brocas e uma escavadeira posicionada sobre grandes resfriadores de pesca para obter cerca de meio metro de solo marciano (simulado), a fim de alcançar os sólidos blocos de gelo. “Estávamos todos muito entusiasmados com o projeto”, disse Thomas.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Antes que os alunos começassem a trabalhar, foram avisados de que Marte não é nada como eles viram nos filmes ou nos programas de TV. É um ambiente muito difícil. “É tudo sobre aprender e se adaptar”, disse Patrick Troutman, líder em Integração de Arquitectura de Exploração Humana na NASA Langley.

Foi mais do que apenas uma demonstração de tecnologia de perfuração que os alunos tiveram que realizar. Eles também apresentaram um documento técnico descrevendo a adaptabilidade do seu conceito para mostrar como seu sistema poderia ser usado em Marte e como poderia ser modificado para explicar as enormes diferenças entre os dois planetas.

“A engenharia realmente nos prepara para isso”, ressaltou o estudante da Universidade de West Virginia, Eric Loy. “É apenas solução de problemas”.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Trazer novas perspectivas e ideias é mais crucial do que nunca para conseguir uma missão para Marte, disse Davis. “Quando você recebe um grupo de alunos que não são limitados por algumas maneiras de fazer coisas no passado, você terá respostas que são realmente emocionantes”, completou.

Aqui estão algumas cenas do segundo dia da edição especial RASC-AL: Mars Ice Challenge, realizado no Langley Research Center, da NASA, em Hampton, Virgínia. Imagens: Gary Banziger.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Créditos: NASA | Erick Gillard, NASA Langley Sereasch Center
Tradução: Jackson Benites

Avatar
Publicado por

Vinte anos e estudante de Engenharia Civil. Resido em Curitiba, capital paranaense. Sou curioso desde muito cedo. Admirador da obra de Carl Sagan desde 2016. Apaixonado por ciência e por novas descobertas. Viver e ter consciência disso é o que me faz feliz.

Faça um comentário

Mundo Estranho

O jovem de 23 anos Eik Júnior Monzilar Parikokoriu precisou percorrer nove quilômetros com a ave presa à garganta até chegar num pronto-socorro.

Espaço

Planeta Nove? Plutão deixou de ser planeta? Descubra agora quantos e quais são planetas do Sistema Solar.

Mente & Cérebro

Nas últimas décadas, inúmeras pesquisas mostraram a relação entre amamentação e a saúde da criança. Sabe-se, por exemplo, que a amamentação ajuda no desenvolvimento...

Planeta & Ambiente

Nukumi, uma grande fêmea de tubarão-branco marcada no ano passado está cruzando o Atlântico já faz dois meses. De acordo com especialistas, ela pode estar...