Connect with us

Hi, what are you looking for?

Plantas & Animais

Mais de cem elefantes desapareceram misteriosamente na Botswana

No momento em que elefantes desapareceram misteriosamente na África, diversas possibilidades são levantadas, mas nenhuma faz sentido.

Mais de cem elefantes desapareceram misteriosamente na Botswana
Já são mais de 150 elefantes mortos em 2 meses. Foto: Gaston Piccinetti / Schutterstock

A Botswana possui a maior população de elefantes em todo o mundo. Mas estes animais estão longe de estarem seguros em seu habitat. Agora, misteriosamente, mais de cem elefantes desapareceram na Botswana. A caça furtiva e o envelhecimento dos animais foram questões descartadas, deixando os pesquisadores intrigados.

As autoridades locais informaram que pelo menos 154 elefantes morreram nos últimos dois meses nos pântanos deste país africano. Carcaças foram encontradas intactas, indicando que os animais não foram mortos por caçadores. Também não foram encontradas evidências de envenenamento pela bactéria antraz, muito comum naquela região.

“Ainda estamos vendo elefantes morrendo no Panavale Okavango. Também vemos elefantes que mostram que estão doentes e estão prestes a morrer”, disse o oficial da Vida Selvagem, Dikamatso Ntshebe.

Publicidade. A leitura continua abaixo.
elefantes desapareceram misteriosamente
Elefantes no Delta do Okavango, Botswana. Shutterstock

Elefantes desapareceram misteriosamente na África

O Departamento de Vida Selvagem logo iniciou a remoção das presas das carcaças, para que possíveis caçadores não se aproximassem dos corpos. A equipe também orientou os moradores locais a não consumirem a carne dos animais mortos, já que ainda estão investigando a possibilidade de uma doença.

Amostras de tecido dos elefantes mortos foram levadas para a África do Sul, onde será feita uma análise. Mas, talvez os resultados demorem para ser divulgados, ainda mais devido a pandemia de Covid-19.

Conflitos com seres humanos

Botswana possui mais de 130 mil elefantes vivendo na savana, o que representa aproximadamente 1/3 da população de elefantes existente no continente. Mas, existe uma relação complexa com os animais neste país.

Elefantes desapareceram misteriosamente na Botswana
Uma família de elefantes caminha pelas margens gramadas da Namíbia, onde arriscam suas vidas todos os dias para conseguir comida. (Imagem: CHRISTINE DELL’AMORE / NATIONAL GEOGRAPHIC)

Os elefantes funcionam como uma importante fonte de renda, turismo e até mesmo de orgulho nacional. Contudo, estes animais estão cada vez mais próximos dos seres humanos, resultando na destruição de terras agrícolas e até causando mortes.

Em maio de 2019 o país suspendeu a sua proibição na caça aos elefantes, já que os incidentes com humanos são cada vez mais comuns. Assim, o país vendeu 60 licenças para caçar elefantes, mas a temporada começaria em Abril, sendo prejudicada pela pandemia. Logo, houve a restrição de viagens e tudo ficou mais complicado.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Nos últimos anos a vida selvagem tem sido ameaçada neste país africano, devido a caça furtiva na procura pelo marfim. Pesquisas divulgadas em 2019 apontaram que o número de carcaças de elefantes encontradas na savana cresceram 600% entre 2014 e 2018.

A caça aos elefantes foi suspensa por anos

A caça de elefantes foi suspensa por 5 anos na Botswana, entrou em vigor em 2014 e durou até o ano passado. Mas, isso acabou contribuindo para os já citados conflitos entre humanos e animais.

Antes disso, de 2007 até 2014 a população de elefantes havia caído 30%, conforme o censo pan-africano de elefantes sem fronteiras, divulgado em 2016.

Publicidade. A leitura continua abaixo.

Por mais que a caça não reduza significativamente o número de elefantes, mesmo assim a volta da prática gerou revolta de algumas pessoas. Além disso, nos países vizinhos custa em média 45 mil dólares uma caçada deste tipo.

Erik Behenck
Publicado por

Erik Behenck é jornalista, adora novas descobertas e apaixonado pela escrita.

Mundo Estranho

O jovem de 23 anos Eik Júnior Monzilar Parikokoriu precisou percorrer nove quilômetros com a ave presa à garganta até chegar num pronto-socorro.

Espaço

Planeta Nove? Plutão deixou de ser planeta? Descubra agora quantos e quais são planetas do Sistema Solar.

Mente & Cérebro

Nas últimas décadas, inúmeras pesquisas mostraram a relação entre amamentação e a saúde da criança. Sabe-se, por exemplo, que a amamentação ajuda no desenvolvimento...

Planeta & Ambiente

Nukumi, uma grande fêmea de tubarão-branco marcada no ano passado está cruzando o Atlântico já faz dois meses. De acordo com especialistas, ela pode estar...