Pode uma mania por pulseiras limpar nossos oceanos?
 

CiênciaPode uma mania por pulseiras limpar nossos oceanos?

Erick Soares28 de dezembro de 20173812 min

4Ocean vende pulseiras feitas de garrafas de vidro e plástico reciclado para financiar sua operação de limpeza oceânica.

A 4Ocean colocou um efeito artístico numa solução direta para a poluição plástica nos oceanos. Sua solução é simples: limpar as praias e as águas costeiras. A inovação é como financiam seu trabalho, vendendo pulseiras feitas de garrafas pet e vidro reciclados.

A 4Ocean almeja remover 45Kg de plástico e outros detritos do oceano por cada pulseira vendida. O conceito segue um princípio simples: você compra a pulseira, você limpa o oceano.

Tem realmente essa quantidade de plástico no oceano?

A ansiedade tem subido acima das nuvens de plástico nos oceanos como se coletivamente despejássemos o equivalente a um caminhão de lixo cheio de plástico a cada minuto, de acordo com um estudo feito pelo World Economic Forum. Tem cerca de 250.000 toneladas de plástico na água, agora; e na proporção que estamos adicionando, pode ter mais plástico que peixe no oceano lá pelo ano de 2050 (por peso).

Novas organizações tem surgido para enfrentar o problema. Nós relatamos como o Ocean Cleanup capturou a imaginação com sua inovadora técnica para limpar o lixo usando barreiras flutuantes em águas profundas. Alguns especialistas olharam o projeto com ceticismo, entretanto, falando que é melhor investir o tempo prevenindo que o plástico vá parar em nossos oceanos para começo de conversa. E uma análise de um especialista sugere que limpar as águas próximas das costas e cidades, que são fontes de poluição, seria algo mais eficiente do que plataformas no fundo do oceano.

A solução simples criada pelo 4Ocean, por outro lado, é a mesma empregada por organizações sem fins lucrativos e milhares de voluntários ao redor do mundo. Coletar o lixo da praia é uma forma direta de reduzir o lixo no oceano, de acordo com a organização sem fins lucrativos Oceanic Society .

Do que as pulseiras são feitas?

As faixas refletem uma estética minimalista com várias “pérolas” feitas de garrafas de vidro reciclado com um barbante feito de garrafas pet. Você deve estar se perguntando se as pulseiras são feitas diretamente do lixo que o 4Ocean remove dos oceanos, mas não o são. São feitas de material reciclado vindo de uma instalação.

Por $20 (R$ 66), o preço da pulseira pode ser um pouco maior do que outro mercado de ‘caridade’, mas 4Ocean está esforçando-se para cumprir sua promessa.

Tracker de Atualização Semanal

Um tracker no site do 4Ocean conta os quilos de plástico que eles já removeram do oceano. Até o momento em que eu estive escrevendo esse artigo, está próximo dos 21,770kg. E sobe regularmente.

“Para garantir que estamos levando nossa promessa a sério à nossos clientes, nós nos esforçamos mensalmente para sempre estar a frente. Por exemplo, nosso site mostra que o tracker de lixo já removeu 21,318 kg – mas ainda não vendemos 21,318 pulseiras”, disse Andrew Cooper, um dos fundadores do 4Ocean, para o E4C.

Essa é uma forma fantástica de manter as pessoas que compraram suas pulseiras atualizadas do progresso do 4Ocean.

Mark Murphy do Oyster Diving diz que a ideia é “um passo para a direção correta para a sustentabilidade e a saúde de nossos oceanos”, acredita que “caso mais pessoas se envolverem em projetos similares, a saúde de nosso oceano e da vida marinha iria melhorar dramaticamente”.

Quem é 4Ocean?

A organização é baseada num escritório e armazém em Boca Raton, Flórida (EUA). Um time de mais de 30 empregados, incluindo um capitão de embarcação, coleta lixo 5 dias por semana. Eles classificam os materiais recicláveis e levam o lixo sólido para uma instalação de processamento.

Como sabemos que eles estão limpando de verdade?

Fazer coisas boas para o ambiente e às pessoas é algo bom para os negócios. Então, é difícil saber quais organizações estão de fato fazendo algo, e quais fazem promessas vazias num esquema de marketing. 4Ocean estabelece uma trilha de papel feita de receitas e fotos para sua remoção de lixo onde tentam demonstrar o trabalho que a equipe tem feito. E eles estão no processo de registro com o Better Business Bureau, disse o Sr. Cooper.

Quer se voluntariar? Vá em frente!

A 4Ocean organiza limpezas dentro e fora da costa, convidando voluntários que querem ajudar a tornar nossos oceanos saudáveis. Você pode se inscrever em sua newsletter aqui (desça até o fim da página) e eles vão te avisar quando será a próxima limpeza.

A organização opera na Flórida e no Caribe, mas tem outros programas ao redor do mundo. Surfers Against Sewage tem voluntários no Reino Unido, por exemplo. E você pode achar eventos de limpeza dos oceanos no Surfrider Foundation e no site do The Ocean Conservancy.

Junte-se à causa e ajude na praia mais próxima quando puder!

Traduzido do título Can a bracelet craze clean our oceans?