TecnologiaVeja como os cabos submarinos da Internet são reparados

Redação4 meses atrásImagem: Marinha dos EUA
https://socientifica.com.br/wp-content/uploads/2019/07/cabo-de-internet-submarino.jpg

Os dados da Internet chegam, na maior parte do mundo, através de uma rede de cabos submarinos de fibra óptica. Os cabos percorrem milhares de quilômetros no fundo do mar, ligando diferentes nações ao circuito mundial de Internet.

Alguns dizem que esse é um dos maiores empreendimentos de engenharia que criamos até agora, mas o mais surpreendente é como esses cabos gigantes são reparados.

Quando um desses cabos submarinos de fibra óptica é danificado, tem de ser reparado com a máxima prioridade, uma vez que muitas nações dependem da Internet para a comunicação de dados. Geralmente eles são danificados por terramotos, âncoras de navios, redes de arrasto de pesca e até mesmo por animais marinhos, e por isso estão sempre necessitando de reparação e manutenção.

A reparação de um cabo é semelhante à reparação de um pneu furado, no qual a borracha danificada é substituída por um novo remendo. Quando um cabo de fibra ótica se parte no meio do mar, é impossível ver a falha diretamente. Portanto, quando tais incidentes ocorrem, o operador de telecomunicações tem que localizar o acidente e substituir o trecho danificado por um novo cabo novo.

Para localização o local danificado, o operador responsável envia pulsos de sinal através do cabo a partir de uma extremidade ou estação base. Como a área está com defeito, ela acaba devolvendo o pulso ao local de sinalização que enviou os dados. Através de cálculos, eles podem identificar o tempo de atraso a partir do sinal refletido, e assim detectar a posição.

É agora que o vídeo abaixo entra em ação, exemplificando a explicação deste processo complexo.

Após todo o processo de identificação do local, esse navio é enviado para a substituição dos cabos submarinos defeituosos com os cabos ópticos novos.

Após o reparo, o navio envia a informação às estações de base para testar novamente o cabo. Uma vez que os sinais de teste estão chegando ao destino, o trabalho é confirmado e o cabo é reparado com sucesso.

O processo inteiro pode levar até um dia, a depender das condições climáticas e outros fatores.