EspaçoNovas imagens belíssimas do universo são liberadas pela NASA

E você pode vê-las em alta definição.
https://socientifica.com.br/wp-content/uploads/2019/07/20th_ngc604.jpg

Para comemorar o 20º aniversário do trabalho do Chandra X-ray Observatory, a NASA divulgou novas imagens do universo mostrando a amplitude da exploração do Chandra, a variedade de objetos que ele estuda e como os raios X complementam os dados coletados em outros tipos de luz.

Da grandeza colossal de um aglomerado de galáxias à luz de estrelas infantis, essas novas imagens são uma amostra da espetacular da capacidade do Chandra.

Chandra é um dos “Grandes Observatórios” da NASA (juntamente com o Telescópio Espacial Hubble, o Telescópio Espacial Spitzer e o Observatório Compton Gamma Ray), e tem a visão mais nítida de um telescópio de raios X já construído.

O observatório é frequentemente utilizado em conjunto com telescópios como o Hubble e o Spitzer, que observam em diferentes partes do espectro electromagnético, e com outras missões de alta energia como o XMM-Newton da Agência Espacial Europeia (ESA) e o NuSTAR da NASA.

Muitos dos fenômenos que Chandra agora investiga não eram sequer conhecidos quando o telescópio estava sendo desenvolvido e construído. Por exemplo, astrônomos agora usam o Chandra para estudar os efeitos da energia escura, testar o impacto da radiação estelar em exoplanetas e observar os resultados dos eventos de ondas gravitacionais.

“Chandra permanece inigualável em sua capacidade de encontrar e estudar fontes de raios X”, disse Belinda Wilkes, diretora do Chandra X-ray Center. “Como praticamente todas as fontes astronômicas emitem raios X, precisamos de um telescópio como o Chandra para ver e entender completamente o nosso Universo.”

FONTE / Chandra X-ray Center via Phys