MedicinaVírus da gripe comum foi capaz de eliminar o câncer de bexiga em um paciente

Damares Alves1 semana atrás
https://i0.wp.com/socientifica.com.br/wp-content/uploads/2019/07/cancer_virus.jpg?fit=800%2C560&ssl=1

Ficar gripado é definitivamente ruim, nisso é preciso concordar, mas um estudo recente sugere que o vírus causador do resfriado comum pode ser mais útil do que se pensava.

A ideia de combater câncer com vírus não é lá muito recente. Mas essa é a primeira vez que um vírus de resfriado consegue tratar de forma eficaz uma forma inicial de câncer de bexiga.

Um grupo de pesquisadores fez um ensaio clínico com 15 pacientes portadores de câncer de bexiga. Os pacientes foram infectados com o vírus coxsackiev A21, que é um dos vírus que causam o resfriado comum.

Os cientistas aplicaram o vírus através de um cateter que já era utilizado para outros tratamentos, os vírus foram bombeados nos catetes por cerca uma hora. Depois os pacientes foram operados com o objetivo de remover os restos de tumores.

Os pesquisadores ficaram impressionados ao constatar que em um dos pacientes o vírus destruiu completamente o tumor. Nos outros, foi comprovado que o tratamento danificou os tumores e estimulou o sistema imunológico a enviar um exércitos de células imunológicas para combater os tumores restantes.

Curiosamente, os pacientes – que receberam uma dose muito maior do vírus do que se contraíssem a gripe naturalmente, através dos espirros de outra pessoa, por exemplo – não apresentaram sintomas de resfriado ou efeitos colaterais.

Mas como isso é possível?

Os pesquisadores pensaram que este método funcionaria porque as membranas externas das células cancerosas da bexiga contêm uma porta de entrada para o vírus coxsackiev: uma molécula chamada ICAM-1.

Como as células saudáveis não carregam essa molécula, o vírus coxsackiev não as ataca. Uma vez que o vírus entra na célula, ele seqüestra as máquinas da célula e acaba matando-a.

Ainda mais células cancerígenas morrem quando as células do sistema imunológico são recrutadas.

O ICAM-1 também é expresso por outras células cancerígenas, e o vírus coxsackiev tem, de fato, mostrado anteriormente ser eficaz no tratamento de câncer de bexiga muito avançado e outros cânceres, como o melanoma.

É necessário deixar claro que apenas recebendo um resfriado comum não é possível tratar o câncer por conta própria, visto que no tratamento utilizado no estudo os pesquisadores deram uma dose muito alta do vírus aos pacientes.

Essa é uma descoberta incrível, mas o tratamento ainda está na fase inicial de testes.

O artigo cientifico foi publicado na revista Clinical Cancer Research.