ArqueologiaEscultura de 2 mil anos de idade desenterrada em Roma

Redação3 semanas atrás
https://socientifica.com.br/wp-content/uploads/2019/06/DIONÍSIO.jpg

De acordo com uma reportagem no The Local, uma cabeça de mármore branco com 2.000 anos de idade foi descoberta em um muro do período medieval perto do Fórum Romano.

A escultura retrata uma figura jovem e graciosa, e talvez represente Baco, o deus do vinho, do cultivo de uva, da fertilidade, do teatro e do êxtase religioso, que era conhecido pelos gregos como Dionísio.

Crédito: Parque Arqueológico do Coliseu

As cavidades oculares da cabeça podem ter sido preenchidas com vidro ou pedras preciosas.

Virginia Raggi, prefeita de Roma, disse que a escultura está em excelente estado, apesar de ter sido reciclada em material de construção.

Relato publicado em Archaeological Institute of America [Archaeology Magazine]